Termos & condições

 1. INTRODUÇÃO

Os presentes Termos e Condições regulam o acesso e utilização do website www.wayzor.pt,, bem como das reservas e contratos de aluguer, da responsabilidade da Varela & Ca, Lda., sociedade com sede na Rua de Lisboa, Ed. Varela s/n, 9500-216 Ponta Delgada, Portugal (doravante “WAYZOR”). Quaisquer questões legais referentes ao website poderão ser consultadas nas secções Política de Privacidade e Política de Cookies, as quais constituem parte integrante dos presentes Termos e Condições.

A utilização deste website por qualquer utilizador será regulada pelos seguintes Termos e Condições, implicando a sua utilização uma aceitação dos mesmos pelo utilizador. Caso o utilizador rejeite os presentes Termos e Condições, deve cessar a utilização do mesmo.

A WAYZOR poderá alterar ou atualizar, no todo ou em parte, os presentes Termos e Condições, bem como a Política de Privacidade. Quaisquer alterações ou atualizações dos presentes Termos e Condições, bem como os da Política de Privacidade, entrarão em vigor logo que publicados na respectiva secção do website. Os utilizadores são aconselhados a consultar regularmente as secções dos Termos e Condições, da Política de Privacidade e da Política de Cookies para verificarem as versões mais atualizadas.

O acesso e a utilização do website são disponibilizados exclusivamente para utilização pessoal e para a venda de bens e serviços, ao pagamento dos bens ou serviços solicitados, à venda de produtos ou serviços considerados de interesse para os visitantes/utilizadores do sítio ou para comunicar com os mesmos para outros fins (os “Produtos”).

A WAYZOR reserve-se o direito de avaliar discricionariamente o cumprimento dos presentes Termos e Condições por parte de qualquer utilizador. A violação dos Termos e Condições poderá implicar a retirada da licença de utilização concedida pela WAYZOR, nos termos da presente Cláusula 1 e, bem assim, exercer os seus direitos na máxima extensão possível permitida por lei.

Os utilizadores comprometem-se a indemnizar e a exonerar a WAYZOR, as suas subsidiárias e empresas do grupo, bem como legais representantes, parceiros e trabalhadores, de quaisquer danos, responsabilidades, reclamações ou pedidos de compensação, incluindo despesas e custos de representação, peticionadas por terceiros em consequência da utilização do website em termos desconformes com os presentes Termos e Condições, e/ou em virtude da violação das condições previstas nos mesmos, e/ou resultantes de incumprimento das representações e garantias constantes dos presentes Termos e Condições.

2. LICENÇA

Sem prejuízo do constante nas demais cláusulas dos presentes Termos e Condições, a WAYZOR autoriza qualquer utilizador a utilizar este website apenas para fins pessoais ou informativos, conforme previsto nos presentes Termos e Condições. A licença de utilização poderá ser revogada pela WAYZOR discricionariamente e em qualquer momento. Nos termos da lei e dos presentes Termos e Condições, o utilizador não poderá copiar, utilizar, transferir, alugar, sublicenciar, alterar, adaptar, tentar modificar ou alterar o código fonte, efetuar operações de engenharia reversa, descompilar ou desmontar, no todo ou em parte, o conteúdo do website. Ao aceder ao website, o utilizador reconhece e aceita que o conteúdo do mesmo poderá estar incompleto, impreciso, não atualizado, ou que poderá não satisfazer as suas necessidades e requisitos.

3. CONTEÚDO E LIMITAÇÃO DA RESPONSABILIDADE DA WAYZOR

O acesso e utilização do website, incluindo a exibição de páginas web, constituem atividades executadas pelos utilizadores.

Os utilizadores são os únicos e exclusivos responsáveis pela utilização do website e dos seus conteúdos. A WAYZOR não é responsável, nem assume responsabilidades pela utilização (se existente) do website desconforme às disposições legais em vigor pelos utilizadores de maneira.

Em concreto, os utilizadores são os únicos responsáveis pela comunicação de informação ou dados incorretos, falsos, ou de terceiros, sem o seu consentimento, bem como pela utilização incorreta dos mesmos.

Os conteúdos do website podem conter incorreções ou gralhas. A WAYZOR não é responsável, nem poderá ser responsabilizada, por qualquer meio ou modo, pelas incorreções e erros, danos (se existentes) causados ou resultantes da utilização de informação derivada do website ou através do website por parte dos utilizadores. O utilizador é o único e exclusivo responsável pela avaliação da informação e conteúdos obtidos através do website.

O website e toda a informação e conteúdos publicados no mesmo podem ser alterados pela WAYZOR a qualquer momento, periodicamente e/ou sem aviso prévio.

Considerando que quaisquer conteúdos que venham a ser descarregados ou por outro meio obtidos, resultam de decisão livre do utilizador e são efetuados por sua conta e risco, qualquer dano (caso exista) aos computadores ou perda de dados resultantes de operações de descarregamento efetuada pelo utilizador, será da exclusiva responsabilidade do utilizador e não poderá ser imputada à WAYZOR. A WAYZOR não assume qualquer responsabilidade por danos (caso existam) resultantes da impossibilidade de acesso aos serviços disponibilizados através do website ou por dados (caso existam) causados por vírus, ficheiros danificados, erros, omissões, interrupções do serviço, cancelamento de conteúdos, questões relacionadas com a Internet, prestadores de serviços ou com a ligação telefónica e/ou telemática, acessos não autorizados, alterações de dados, ou relacionados com a inexistência e/ou deficiente funcionamento de dispositivos electrónicos do utilizador.  

O utilizador é responsável pela guarda e correta utilização da sua informação pessoal, bem como responsável por qualquer dano ou prejuízo causado à WAYZOR ou a terceiras partes, resultante da utilização incorreta, perda ou furto da informação pessoal.

Nos casos de registo, o utilizador é responsável pela guarda e correta utilização das suas credenciais, as quais permitem o acesso à área reservada dos serviços. Nessas circunstâncias, o utilizador será responsável por criar o seu nome de utilizador e password. O utilizador será ainda responsável pela prestação de informação específica, a qual deverá ser correta e atualizada. O utilizador não poderá escolher um nome de utilizador pertencente a terceiro com o intuito de utilizar a sua identidade. O utilizador não poderá, do mesmo modo, utilizar o nome de utilizador de um terceiro sem o seu consentimento expresso.

O utilizador deverá garantir a confidencialidade da sua password e não deverá partilhar a mesma com terceiros.

O utilizador é inteira e exclusivamente responsável por quaisquer ações efetuadas através da sua conta de utilizador, diretamente ou mediante terceiros autorizados pelo utilizador. A WAYZOR poderá revogar a licença, discricionariamente e a qualquer momento, caso seja identificada a prática de qualquer ato abusivo, fraudulento ou ilegal.

A WAYZOR adotou as medidas técnicas e organizacionais adequadas a salvaguardar a segurança dos serviços por si prestados através do website, assegurar a integridade dos dados de tráfego electrónico relacionados com as formas de utilização ou conhecimento não autorizadas, bem como para evitar riscos de disseminação, destruição ou perda de dados e informação confidencial ou não confidencial dos seus utilizadores, constantes do website, ou relacionados com o acesso – não autorizado ou em incumprimento das disposições legais aplicáveis – aos referidos dados pessoais e informação.

A WAYZOR não garante, nem poderá garantir que o website esteja livre de vírus ou de qualquer outro elemento que possa afetar negativamente a tecnologia.

4. ACESSO AO WEBSITE. INTERRUPÇÃO E SUSPENSÃO

A WAYZOR envida os seus melhores esforços para disponibilizar o acesso contínuo ao website, contudo, o acesso ao website poderá ser suspenso, limitado ou interrompido a qualquer momento independentemente do motivo. O acesso ao website poderá ser limitado ocasionalmente para permitir a recuperação, manutenção ou introdução de novas funcionalidades ou serviços. A WAYZOR envidará os melhores esforços para recuperar o acesso com a maior brevidade possível. A WAYZOR reserva-se no direito de bloquear o acesso a qualquer material e/ou remover qual material que possa, no seu entendimento discricionário, provocar a violação dos presentes Termos e Condições.

A WAYZOR reserve-se o direito de encerrar as contas de utilizadores que violem os presentes Termos e Condições, incluindo nas situações em que seja verificado que o utilizador se encontra utilizar proxy IP addresses no intuito de esconder a utilização de contas múltiplas, ou pretenda ser identificado como estando num país distinto do qual efetivamente se encontra, ou cause perturbações ao funcionamento do website por qualquer meio.

5. PROTEÇÃO DE DADOS PESSOAIS

Os utilizadores são aconselhados a ler e a analisar a Política de Privacidade e a Política de Cookies, as quais constituem parte integrante dos presentes Termos e Condições, para compreender como o website recolhe e utiliza os dados pessoais dos utilizadores e quais as respetivas finalidades.

6. DIREITOS DE PROPRIEDADE INTELECTUAL

Todos os direitos são reservados. O website e todos os seus conteúdos, incluindo sem limitar, artigos, opiniões, outros textos, listas, manuais de utilização, fotografias, desenhos, imagens, clips vídeo ou áudio ou textos de marketing, bem como marcas, logótipos, nomes de domínio, e quaisquer outros elementos que possam ser abrangidos por direitos de propriedade (incluindo os códigos fonte) e/ou outras modalidades de direitos de propriedade intelectual (doravante “Material”), são propriedade da WAYZOR ou de terceiros, e estão protegidos contra a utilização, a cópia ou a divulgação não autorizada pelas leis nacionais e tratados internacionais relativos aos Direitos de Propriedade Intelectual. Nenhuma das disposições dos Termos e Condições e/ou dos conteúdos constantes do website poderão ser interpretados como implicitamente conferindo, aceitando ou por qualquer meio licenciado o direito de utilização de qualquer Material por qualquer meio, sem o prévio consentimento escrito da WAYZOR ou do terceiro proprietário do Material ou dos direitos de propriedade intelectual publicados no website. A utilização, cópia, reprodução, alteração, republicação, atualização, descarregamento, envio por e-mail, transmissão, distribuição ou duplicação, ou qualquer outro ato abusivo do Material não especificamente identificado, mas de idêntica natureza, são proibidos. Na sua qualidade de utilizador do website, o utilizador compromete-se a não utilizar o Material para fins ilegais e a não violar os direitos da Wayzor.

O utilizador poderá, contudo, visualizar e exibir o conteúdo do website e/ou o Material no ecrã de um computador, armazenar tal conteúdo em formato electrónico no disco (mas não num servidor nem num dispositivo de memória conectado à Internet) ou imprimir uma cópia de tais conteúdos para sua utilização pessoal e não comercial, devendo contudo manter todas as informações relacionadas com os direitos de propriedade intelectual.

O acesso ao website não confere ao utilizador qualquer direito sobre os conteúdos disponibilizados pela WAYZOR.

7. LINKS PARA OUTROS WEBSITES

Caso o website disponibilize ligações (“Links”) para websites de terceiros ou para conteúdos disponibilizados por terceiros (“Outros Websites”), a WAYZOR pelo presente informa que a disponibilização de ligações a tais Outros websites são incluídas apenas para fins exclusivamente informativos e para conveniência do Utilizador. A WAYZOR não controla os Outros Websites e, por isso, não se responsabiliza por tais Outros Websites ou pelos conteúdos ou produtos que os Outros Websites (incluindo sem limitar, a referência a redes sociais) e não se responsabiliza por quaisquer danos ou prejuízos que possam resultar da utilização dos Outros Websites pelo Utilizador, bem como quanto ao tratamento de dados pessoais durante as operações de navegação na internet. O acesso a qualquer Outro Website, mediante uma ligação existente no website da WAYZOR, será efetuado por exclusiva responsabilidade e risco do Utilizador.

O Utilizador deverá, assim, prestar particular atenção quando se conecte a Outros Websites através de ligações existentes no website da WAYZOR e ler com atenção os respetivos termos e condições e políticas de privacidade.

8. REPRESENTAÇÕES E GARANTIAS DO UTILIZADOR

O utilizador reconhece e declara que:

  1. leu e compreendeu os presentes Termos e Condições;

  2. se absterá de reproduzir, duplicar, copiar, vender, revender ou por qualquer meio explorar comercialmente o website ou os seus conteúdos, ou parte dos mesmos, bem como se absterá de utilizar ou reproduzir as marcas ou quaisquer direitos de propriedade intelectual ou industrial da WAYZOR;

  3. não publicará ou utilizará informação falsa, injuriosa ou difamatória;

  4. se absterá de utilizar, direta ou indiretamente, os serviços ou o website para fins contrários à lei ou desconforme aos princípios constantes dos presentes Termos e Condições;

  5. não propagará vírus, spyware, adware, rootkit, backdoor ou vírus Trojan ou outras ameaças informáticas similares;

  6. não utilizará software ou outros mecanismos automáticos ou manuais para copiar ou aceder ao controlo do website ou do seu conteúdo.

9. DISPOSIÇÕES DIVERSAS

A nulidade de alguma das disposições constantes nos presentes Termos e Condições ter-se-á por suprimida destes, permanecendo as restantes disposições do mesmo integralmente em vigor e produzindo os seus efeitos.

O presente contrato reger-se-á pelo direito português e será interpretado de acordo com a lei portuguesa, em conformidade com os contratos celebrados e executados neste país. Na falta de acordo amigável entre as partes, os respectivos conflitos e disputas de qualquer natureza relativos à formação, execução ou interpretação do presente Contrato, serão resolvidos definitivamente pelos Tribunais Judiciais de Lisboa, com expressa renúncia a quaisquer outros.

O utilizador poderá contactar o Serviço de Cliente para qualquer questão relacionada com os Termos e Condições ou para qualquer questão relacionada com a utilização do website, através de carta registada com aviso de recepção para a morada [*] ou através de e-mail para [*].


CONDIÇÕES GERAIS DE ALUGUER

1 – OBJECTO DO CONTRATO

O cliente recebe o veículo alugado, descrito no Contrato de aluguer, em perfeitas condições de funcionamento, com todos os seus documentos, pneus, ferramentas e acessórios e compromete-se a conservá-los e a conduzir o veículo cumprindo as normas expressas no Código da Estrada e legislação complementar, bem como, as dispostas nas presentes Condições Gerais, além de que, nunca poderá conduzir esse veículo em estradas de terra, gravilha ou similares

A quem é permitido alugar uma viatura?

Qualquer individuo, que:

  1. Seja legalmente capaz de assinar um contrato com a Wayzor e esteja preparado para assumir a responsabilidade pela viatura durante toda a extensão deste.
  2. Possua cartões de crédito, com plafond necessário, no nome do condutor ou condutores indicados no contrato para fazer face à cativação da caução (franquia) no mesmo.

2 – DURAÇÃO DO CONTRATO

A duração do contrato está expressa na frente do contrato de aluguer, onde se especifica a data e hora de entrega bem como da devolução do veículo. Os dias de aluguer serão contados por períodos de 24 horas, a começar da hora exata em que o cliente alugou o veículo, até à sua devolução. O período de cortesia na devolução do veículo será de 59 minutos, contudo fica sujeito a prévia autorização da Wayzor sob pena de ser debitado um dia extra de aluguer.

Caso o cliente decida rescindir o contrato de forma antecipada, o montante correspondente aos dias em que não desfrutou do veículo será integralmente retido como indemnização.

3 – PROLONGAMENTO DO CONTRATO

O cliente tem a obrigação de devolver o veículo na data e hora indicadas no parágrafo anterior. Se o cliente deseja prolongar o período de aluguer deverá dirigir-se ao posto de atendimento de Wayzor mais próximo e solicitar o prolongamento bem como para assinar a prorroga.

Em caso algum, o montante depositado como fiança poderá servir para o prolongamento do mesmo. Assim, se o contrato for prolongado, o cliente deve efetuar o pagamento adicional relativo ao referido prolongamento.

Se o Contrato não se puder prolongar por não haver veículos disponíveis ou por qualquer outro motivo, o cliente deve devolver o veículo à estação na data e hora acordada. Ao solicitar o prolongamento do contrato, pode ser necessária, em função das condições iniciais do mesmo, a realização de um novo contrato considerando-se, nessa altura, extinto o contrato vigente.

4 – DEVOLUÇÃO DO VEÍCULO

O cliente fica obrigado a devolver o veículo alugado nas mesmas condições em que lhe foi entregue juntamente com todos os seus documentos, pneus, ferramentas e acessórios, no lugar, à data e hora estipulados no contrato de aluguer. O cliente não poderá modificar qualquer característica técnica do veículo, as chaves, equipamento, as ferramentas e/ou acessórios do mesmo, nem efetuar qualquer modificação do seu especto exterior e/ou interior. Caso contrário, o cliente deve suportar as despesas relativas à reposição do veículo ao seu estado original, bem como os danos e os prejuízos causados à Wayzor devido ao recondicionamento do veículo, devido ao tempo em que o mesmo estiver imobilizado, e ainda, quaisquer outros danos causados à Wayzor.

O Período de Aluguer termina quando devolver a Viatura na estação Wayzor e entregar a respetiva chave a um representante Wayzor ou na “Caixa de Chaves” (Drop off Box), caso esta exista, e esta ação implica que tenha previamente adquirido a cobertura de seguros extra Gold.

No caso de devolver a Viatura antes da data mencionada no Contrato de Aluguer, não terá direito a qualquer reembolso.

Quando devolver a viatura deve inspecionar esta em conjunto com o representante da Wayzor e assinar o relatório de danos pós aluguer.

A Wayzor não se responsabiliza por quaisquer bens ou objetos que possam eventualmente ser deixados na viatura.

5 – EFEITOS DA NÃO DEVOLUÇÃO DO VEÍCULO

A devolução do veículo em data e hora diferentes às estabelecidas no contrato, permite à Wayzor cobrar o montante do aluguer correspondente aos dias de atraso na devolução, para além de uma penalização causada pelos prejuízos económicos que a falta desse carro está a causar, e que ascende a € 44,00 por cada dia de atraso. De igual modo, a devolução ou o abandono do veículo num local diferente ao referido no Contrato, permite à Wayzor exigir cumulativamente:

  1. Montante do aluguer correspondente aos dias necessários para a reparação do veículo e colocação à disposição para alugar;
  2. Uma indemnização correspondente a € 44,00 diários, relativos aos prejuízos económicos provocados, devido à imobilização do veículo;
  3. Mais os custos de deslocação/reboque, portagens e guarda/custódia, - quando os houver - até ao lugar acordado no contrato para a devolução do mesmo). A Wayzor reserva-se o direito de interpor as ações legais que sejam pertinentes, perante qualquer caso de desaparecimento ou não devolução do veículo e perante as autoridades competentes (judiciais e policiais), recaindo sobre o cliente toda a responsabilidade das consequências jurídicas e legais que possam daí advir. A prolongamento unilateral, por parte do cliente, da duração do contrato considera-se como uma utilização não permitida (abusiva) do veículo para efeitos da responsabilidade do cliente sobre qualquer dano que o veículo apresente.

6.1 – PAGAMENTOS

O cliente compromete-se a pagar à Wayzor:

  1. Todos os encargos pelo aluguer do veículo, seguros e impostos determinados na tarifa à data da reserva, que foi previamente notificada ao cliente. A aplicação da tarifa acordada inicialmente fica sujeita a que a devolução do veículo se realize no local, na data e hora previstos. As tarifas poderão variar em função da temporada e da estação pelo que, previamente à contratação de um veículo, o cliente será responsável por verificar a tarifa que lhe for aplicada.
  2. O montante associado à política de combustível do contrato.
  3. Ao Cliente poderão ser aplicadas outras disposições contratuais, de acordo com as condições contratuais e comerciais oferecidas pela Wayzor.

6.2 – PAGAMENTOS COMO CONSEQUÊNCIA DE USO INADEQUADO

O cliente, após a finalização do aluguer do veículo, compromete-se a pagar à Wayzor os montantes que forem consequência dos seguintes conceitos:

  • Pela limpeza do veículo, que deve ser devolvido nas mesmas condições em que foi entregue.

  LAVAGEM GRAU 1

€15,00

  Custo a aplicar se o veículo no ato da recolha apresentar sujidade normal do uso no dia-a-dia.

  LAVAGEM GRAU 2

€30,00

  Custo a aplicar se o veículo no ato da recolha apresentar sujidade normal do uso no dia-a-dia.

  LAVAGEM ESPECIAL GRAU 1

€31,00 - €69,00

  Limpeza interior que envolva remoção de pastilhas elásticas, sujidade excessiva de terra/arreias (1 estofo)

  LAVAGEM ESPECIAL GRAU 2

€70,00 - €99,00

  Limpeza interior que envolva remoção de cera de pranchas, vomitado, tetos manchados (até 2 estofos)

  LAVAGEM ESPECIAL GRAU 3

€100,00 - €140,00

  Limpeza interior que envolva manchas de óleo ou produtos de difícil remoção, desinfeção da viatura (mais de 2 estofos).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  • Os encargos causados pela perda de documentos e/ou chaves do veículo, e/ou envio, das chaves do veículo à estação correspondente, nos casos de perda, roubo, devolução das chaves do veículo numa estação diferente à de devolução efetiva do veículo, ou qualquer outra situação pela qual o veículo seja imobilizado por causa do cliente, este, terá de pagar uma indemnização à Wayzor no valor do orçamento da substituição da chave.
  • As despesas ocasionadas pela perda, furto, deterioração ou danos de qualquer elemento do veículo, ou do veículo completo, assim como os problemas derivados de um erro no tipo de combustível abastecido.
  • Mulltas, coimas, sanções e gastos judiciais e administrativos causados por infrações de trânsito ou de leis, regulamentos ou decretos-leis, (incluídos os previstos no Código da Estrada) serão suportados pelo cliente durante a duração do presente contrato e que tenham sido satisfeitos pela Wayzor.
  • Sem prejuízo do anterior, a Wayzor reserva-se o direito de cobrar ao cliente um encargo adicional de 40€ pelos custos administrativos nos quais tiver incorrido como consequência dos gastos de tramitação e comunicação perante as autoridades pertinentes desses atos.
  • Os custos de reparação dos danos causados ao veículo no caso de acidente, quando se produza alguma das seguintes circunstâncias:
  1. Que o veículo não tenha sido utilizado de acordo com as condições estabelecidas.
  2. Que o relatório do acidente - quer na forma de ‘Declaração Amigável de Acidente’ -DAA- ou de ‘Relatório de Sinistro’- não tenha sido preenchido e enviado à Wayzor no prazo indicado, ou que não se ajuste à realidade dos factos ocorridos.
  3. Que os danos sejam o resultado de um acidente devido ao facto do cliente não ter avaliado corretamente a altura do veículo.
  4. Que não tivesse sido contratado o seguro extra correspondente.
  5. Os custos inerentes aos ‘Gastos administrativos e de tramitação de acidente’ no valor máximo de 50 €.

Os montantes derivados dessas rubricas serão cobrados pela Wayzor diretamente ao cliente mediante o sistema de pagamento eletrónico ou equivalente usado para a contratação do veículo, autorizando expressamente o cliente a realização desses encargos por parte da Wayzor.

Em todos os casos, a Wayzor informará imediatamente os respetivos encargos e os motivos que levaram ao mesmo, facultando ao cliente toda a informação que lhe for possível.

O montante do encargo que se aplique ao cliente pelos danos causados ao veículo, será calculado conforme a tarifa de preços publicada no Anexo I, destas condições, cuja existência e montantes o Cliente declara conhecer, estando de acordo com os mesmos. Quando os danos causados não sejam contemplados pela referida tarifa de preços será realizado um orçamento junto da oficina da marca da viatura.

A Wayzor reserva-se, também, o direito de poder exigir ao cliente uma indemnização pela imobilização do veículo como consequência dos danos ocorridos.

A referida indemnização será calculada de acordo com o número de dias necessários para reparar o veículo e utilizando como base de quantificação, a tarifa diária de ocupação contratada, acrescida dos € 44,00 por dia previstos na estipulação anterior, uma vez que os dias de imobilização do veículo são considerados como uma não devolução do mesmo, no prazo acordado.

6.3 – FORMAS DE PAGAMENTOS

O titular do cartão deverá assegurar-se de que a sua utilização para satisfazer as presentes Condições Gerais de Aluguer (fiança, levantamentos ou retiradas, etc.) não lhe irá ocasionar nenhum prejuízo.

A este respeito, compromete-se a informar-se no seu banco sobre tudo o que é necessário antes de que o seu cartão seja utilizado por parte da Wayzor, que por sua vez, não poderá ser considerada responsável a este respeito.

O pagamento do aluguer do veículo e das eventuais despesas suplementares deverá ser efetuado na divisa EUROS.

As formas de pagamento admitidas são: cartão de crédito ou débito ou dinheiro.

Os cartões permitidos são VISA, MasterCard/Maestro, American Express. O cartão de crédito ou débito com o qual se efetuou a reserva deverá ser apresentado pelo seu titular no momento da entrega do veículo.

Não são aceites cartões de crédito virtuais, pré-pagos ou de carregamento — ou qualquer outro cartão no qual os caracteres não estejam em relevo.

7 – CAUÇÃO

O Cliente deverá depositar uma fiança no momento do levantamento do veículo, cujo valor se define consoante o grupo de viatura alugada (consulte abaixo a tabela de franquias).

A fiança bloqueada no cartão de crédito será desbloqueada depois da devolução do veículo, e assim que a Wayzor tiver comprovado o bom estado do veículo e a boa execução do Contrato. O tempo máximo de bloqueio é de 30 dias úteis, desde o início do aluguer, contudo pode variar conforme o seu banco algo que a Wayzor não controla e é totalmente alheia.

O depósito da fiança será retido parcial ou totalmente em caso de incumprimento do Contrato, até cobrir as penalizações ou valores imputáveis ao Cliente.

TABELA DE FRANQUIAS

  GRUPO A, B, B1

 €845,00

  GRUPO B2, C

 €1015,00

  GRUPO C1, D, D1 

 €1127,00

  GRUPO C2, E, E1, F, F1, F2, H, H1, H2, L, L1, M, I, I1

 €1973,00

  GRUPO I4, I5, J, J1

 €2818,00

Se o Cliente contratar a cobertura complementar Gold, o valor da franquia a ser retida no cartão de crédito passar a ser de €300,00 para todos os grupos.

A contratação da cobertura complementar Gold pode ser levada a cabo no momento da reserva, na abertura do contrato e mesmo durante a duração destes, segundo a preferência do Cliente.

8 – SEGUROS E COBERTURAS

8.1 - Seguro obrigatório e de responsabilidade civil para terceiros.

As tarifas de aluguer incluem as coberturas do Seguro Obrigatório do Automóvel e de Responsabilidade Civil pelos danos e prejuízos contra terceiros derivados do uso e da circulação do veículo.

Estas coberturas ficam garantidas e são assumidas pela companhia de seguros com a qual a Wayzor tiver contratada a correspondente apólice de seguro e ficam sujeitas às cláusulas gerais e particulares da mesma e à lei em vigor.

Esta cobertura é válida desde que as seguintes condições sejam cumpridas:

1.  O Cliente, em caso de colisão, envie à Wayzor dentro do prazo de vinte e quatro horas após o sinistro, os dados completos da outra parte e possíveis testemunhas, preenchendo um relatório de acidente, na forma de uma ‘Declaração Amigável de Acidente’ -DAA- detalhando a matrícula, o nome e a morada da outra parte, as circunstâncias da colisão, um croqui do acidente, o nome da seguradora e, sempre que for possível, o número de apólice do seguro, tudo isto assinado pelos dois condutores implicados no acidente.

2. Que a companhia de seguros não rejeite o sinistro, como consequência de não conduzir o veículo nas condições físicas e psíquicas exigidas pelo Código de Estrada.

3. Que a colisão, furto, incêndio ou ato de vandalismo não tenha ocorrido durante o decorrer de um uso não autorizado infringindo qualquer das condições contempladas neste documento.

4. Que o Cliente tenha informado a Wayzor sobre a colisão, o roubo, incêndio ou ato de vandalismo produzidos no veículo dentro de um prazo de vinte e quatro horas depois do mesmo, fornecendo a documentação pertinente (relatório de acidente, denúncia perante as autoridades, etc.).

Ficam EXPRESSAMENTE EXCLUÍDOS DESSA PROTECÇÃO:

1. Danos em pneus, jantes, interiores do veículo, espelhos retrovisores exteriores, vidros e rebordos.

2. Furos e rebentamentos de pneus.

3. Os danos provocados na embraiagem e na caixa de velocidades.

4. Os dias de paralisação do veículo até à sua reparação.

5. Os gastos de reboque e repatriamento.

6. Recarga da Bateria.

8.2 – SEGURO INTERMÉDIO

Com a aquisição do pacote de seguro INTERMÉDIO a responsabilidade do Cliente em caso de acidente e/ou danos fica cingida á franquia do respetivo grupo alugado e que se encontra mencionado no contrato de aluguer (consulte a nossa tabela de cauções - franquias). Assim o valor máximo que o cliente pode vir a ter de pagar é o valor estipulado pela respetiva franquia.

Nos casos em que o acidente e/ou danos sejam resultantes de uma condução/ato negligente esta cobertura de seguros extra fica sem efeito e o Cliente é responsável pelo pagamento, na integra, à Wayzor de valor total de reparação da viatura bem como das respetivas taxas de imobilização pelos dias que a viatura não puder ser alugada.

A condução por pessoas não identificadas no contrato de aluguer viola os termos e condições aqui numerados logo invalidando a cobertura extra adquirida, ficando assim o titular do contrato responsável pelo pagamento de todos os prejuízos à Wayzor bem como a todas as partes terceiras que se encontrem envolvidos no acidente/danos.

8.3 – SEGURO GOLD

Com a aquisição do pacote de seguros GOLD o cliente fica ilibado do pagamento de qualquer franquia em caso de acidente e/ou danos. Desde que o acidente/dano não seja resultante do um ato negligente de condução que invalida a aquisição da cobertura extra, ficando o cliente assim responsável pelo de todos os prejuízos à Wayzor bem como a todas as partes terceiras que se encontrem envolvidos no acidente/danos.

A condução por pessoas não identificadas no contrato de aluguer viola os termos e condições aqui numerados logo invalidando a cobertura extra adquirida, ficando assim o titular do contrato responsável pelo pagamento de todos os prejuízos à Wayzor bem como a todas as partes terceiras que se encontrem envolvidos no acidente/danos.

8.4 – ANULAÇÃO DA COBERTURA EXTRA POR ATO NEGLIGENTE

Toda a ação que viole os pontos aqui enumerados neste documento será considerado um ato de negligência o que invalida qualquer tipo de cobertura que tenha sido adquirida. Neste caso a franquia associada ao aluguer ou mesmo a isenção de franquia não estão disponíveis ficando o cliente responsável pelo pagamento de todos os prejuízos causados à Wayzor bem como taxas de imobilização pelo fato da viatura não poder ser alugada enquanto está a ser reparada.

No caso da anulação de franquia por negligência o Cliente é responsável por todos danos tendo como teto máximo, para esta responsabilidade, o valor comercial da viatura, definido nas tabelas para o efeito (ex.: EuroTax), à data que se deu início ao contrato de aluguer.

Condução por pessoas não autorizadas, sob a influência de álcool ou drogas, violações ao código de estrada, condução por estradas de gravilha/terra para a qual a viatura não esteja preparada, embraiagem queimada são alguns exemplos que serão considerados atos de condução negligente logo invalidarão qualquer tipo de cobertura extra adquirida.

8.5 – AQUSIÇÃO DE COBERTURA EXTRA

A aquisição das coberturas extras pode ser efetuada na reserva, na abertura do contrato ou durante o decorrer deste.

Caso seja solicitada a aquisição de qualquer cobertura de seguros extra durante o decorrer do contrato de aluguer o Cliente deverá, antes da mesma poder ser aceita pela Wayzor e logo dada como em efeito, se dirigir a uma estação da Wayzor de modo a que a viatura seja inspecionada para se apurar se no possui novos danos, comparando com o relatório de danos entregue no inicio do contrato de aluguer, ou não. Caso possua novos danos o Cliente deve primeiro saldar o valor destes novos danos e só depois poderá ser adquirida e dada como ativa a proteção extra de seguro.

9 - UTILIZAÇÃO NÃO AUTORIZADA

O Cliente deve usar o veículo com a devida diligência, de acordo com as características do mesmo, respeitando as regras de trânsito aplicáveis aos veículos a motor e de acordo com o Código da Estrada e demais legislação aplicável e evitando, em qualquer caso, qualquer situação que possa provocar danos no veículo ou em terceiros.

É, também, obrigação do Cliente não permitir a condução do veículo a uma pessoa diferente daquelas que estão autorizadas de acordo com este contrato, sendo o Cliente, responsável direto por qualquer dano ou prejuízo ocorrido no veículo ou em terceiros, se permitir que tal aconteça.

Em qualquer situação que não se cumpra o estabelecido nestes parágrafos entende-se como utilização não autorizada.

O Cliente é inteiramente responsável pelos danos causados às partes interiores e exteriores do veículo pela utilização não autorizada do mesmo, e nesse caso será obrigado a pagar todas as despesas feitas

No caso de existir uma ação judicial que abranja as situações anteriores, o Cliente pagará todas as despesas judiciais, incluindo custas judiciais, honorários de advogados e solicitadores, e, em caso de condenação, a respetiva indemnização que for fixada através de sentença.

A utilização não autorizada inclui e não se limita aos seguintes casos que são descritos a título de exemplo:

1. Empurrar ou rebocar qualquer outro veículo.

2. Circular em lugares que não são aptos para o transporte público, como, por exemplo, praias, circuitos de automóvel, caminhos florestais, estradas privadas, estradas de terra, estradas de gravilha ou que não estejam aptas para a circulação automóvel.

3. Circular em estradas não pavimentadas, ou pavimentadas, mas com graves deficiências, que possam provocar danos na parte inferior do veículo.

4. Circular com o veículo por áreas restritas, concretamente, pistas de aeroporto e outras vias associadas com o uso da aviação civil e militar.

5. Negligência perante a informação transmitida no painel instrumentos ou sinais de advertência do veículo alugado e que o Cliente diz conhecer, com a assinatura deste contrato.

6. Transporte de bens ou animais e especialmente de substâncias perigosas, inflamáveis e/ou nocivas para o veículo e para os seus ocupantes.

7. O transporte de pessoas ou bens que direta ou indiretamente impliquem um pagamento ao cliente.

8. O subaluguer do veículo.

9. A utilização do veículo em qualquer catividade contrária à lei.

10. O transporte de um número de pessoas ou quantidade de bagagem superior ao autorizado para o veículo.

11. Qualquer tipo de manipulação do conta-quilómetros.

12. Deixar objetos à vista no veículo suscetíveis de serem roubados com os consequentes danos no veículo.

13. Sujar o interior do veículo para além do que implica uma utilização normal e cuidadosa do mesmo.

14. Condução do veículo num estado de fadiga, doença ou sob a influência do álcool, medicamentos ou drogas.

15. Condução imprudente.

16- Utilização do veículo para catividades de aprendizagem da condução, em qualquer circunstância, e/ou o ensino de qualquer habilidade especial ao volante.

17. Condução contrária às normas de trânsito.

18. Condução do veículo alugado por uma pessoa não autorizada no contrato, quer seja como Cliente/s e/ou condutor/es adicional/ais.

19. Condução do veículo fora dos limites geográficos estabelecidos nas condições particulares para o posto de atendimento de origem do aluguer

20. Utilização do veículo depois de ter terminado o período de aluguer.

O uso não autorizado pelo cliente facultará a Wayzor para resolver antecipadamente o Contrato de Aluguer por incumprimento culposo do mesmo, solicitando, se disso for caso, as respetivas indenizações por perdas e danos.

10 - CARTA DE CONDUÇÃO
O cliente deverá ter consigo a correspondente carta de condução em vigor homologada no país de entrega do veículo de Wayzor com pelo menos UM ano de antiguidade. Ao mesmo tempo, a idade mínima do cliente terá de ser de DEZANOVE ANOS.

11 - RESPONSABILIDADE SOLIDÁRIA

Todos os Clientes e/ou condutores adicionais que constem do contrato de aluguer, serão responsáveis solidários de todas as obrigações do Cliente que aparecem no Contrato e das leis aplicáveis ao mesmo.

12.1 – DANOS IDENTIFICADOS PRESENCIALMENTE NO MOMENTO DA DEVOLUÇÃO

No caso de serem identificados novos danos na inspeção da viatura aquando da sua devolução, o representante da Wayzor ficará encarregue da sua introdução no sistema de modo a que estes possam ser devidamente cobrados ao cliente conforme a nossa tabela de preços para danos sendo esta de conhecimento do cliente aquando do início do contrato, desde que:

  1. Os danos presentes na viatura não obriguem à realização de um orçamento junto da oficina oficial da marca. Neste caso a franquia (caução) ficará retida até que a oficina providencie o referido orçamento oficial.
  2. Qualquer peça partida não pode ser reparada logo incorre nos procedimentos da linha anterior.

12.2 – DANOS IDENTIFICADOS SEM A PRESENÇA DO CLIENTE (FORA DE HORAS)

No caso de danos serem identificados no âmbito da inspeção à viatura efetuada pelo representante da Wayzor e sem a sua presença, a Wayzor compromete-se a enviar-lhe os seguintes documentos comprovativos:

  • Declaração de Devolução do Veículo com descrição dos Danos identificados;
  • Fotografia(s) do(s) Dano(s);
  • Orçamento ou fatura do valor a cobrar conforme a nossa tabela de preço para danos, custos de imobilização da Viatura e dos custos administrativos pela gestão do processo de Danos.

Poderá contestar os Danos identificados e a respetiva faturação no prazo de (8) oito dias corridos após o envio dos documentos, por email para rentacar@bensaude.pt. No caso de não contestação, no referido prazo de 8 dias, a Wayzor reserva-se o direito de lhe cobrar os referidos custos.

12.3 – TABELA DE PREÇOS DE DANOS

Atenção os valores apresentados na tabela abaixo são sem I.V.A.

Esta tabela NÃO COMTEMPLA reparações em que seja necessário a substituição de peças. Neste caso será necessário a realização de um orçamento junto da oficina da marca.

 

Elemento com danos 

Damaged Element

MOSSA / DENT

RISCO / SCRATCH

Severidade do Dano
Damage Severity

Severidade do Dano
Damage Severity

Leve

 (Light)

Medio

Medium)

Grave

(severe)

Leve

(Light)

Médio (Medium)

Grave

(severe)

P/CHOQUES / BUMPERS

125,00 €

155,00 €

180,00 €

83,00 €

125,00 €

150,00 €

JANTES / RIMS

0,00 €

0,00 €

0,00 €

45,00 €

54,00 €

64,80 €

PORTAS /DOORS

147,50 €

200,00 €

248,00 €

105,00 €

125,00 €

150,00 €

G/LAMAS FRENTE / FRONT SIDE FENDER

135,00 €

162,00 €

210,60 €

85,00 €

125,00 €

150,00 €

CAPÔ / HOOD

175,00 €

227,50 €

318,50 €

125,00 €

150,00 €

180,00 €

TEJADILHO / ROOF

232,00 €

301,60 €

392,08 €

150,00 €

180,00 €

200,00 €

CAPA ESPELHO / MIRROR COVERS

0,00 €

0,00 €

0,00 €

35,00 €

42,00 €

50,40 €

PUXADOR PORTA / DOOR HANDLES

0,00 €

0,00 €

0,00 €

40,00 €

52,00 €

62,40 €

EMBALADEIRA / LOWER SILLS

105,00 €

147,00 €

205,80 €

135,00 €

189,00 €

264,60 €

G/LAMAS TRÁS / REAR SIDE FENDER

175,50 €

223,25 €

294,88 €

135,00 €

175,50 €

208,15 €

PORTA MALAS / TRUNK DOOR

180,00 €

224,00 €

268,80 €

135,00 €

155,00 €

173,00 €

TROCA DE COMBUSTÍVEL

WRONG FUEL

220,00 €

CHAVE NOVA

KEY REPLACMENT

237,29 €

ANTENA

27,12 €

13 – PROCEDIMENTOS NA MANUTENÇÃO DA VIATURA

Durante o aluguer deve tomar todas as medidas de proteção necessárias para manter a Viatura nas mesmas condições em que lhe foi entregue.

Deverá estar atento a qualquer sinal de aviso das luzes do painel de instrumentos e notificar de imediato a Wayzor de modo a que este lhe possa indicar o procedimento correto a tomar.

A Viatura é fornecida com os pneus, em número e nas condições que cumprem os requisitos das leis do Código da Estrada. No caso de algum deles sofrer danos, para além do uso e desgaste normal, de defeito latente ou de força maior, obrigar-se- á a substituir de imediato, a expensas suas, por um pneu das mesmas dimensões, tipo e marca.

É proibida qualquer modificação ou intervenção mecânica na Viatura. No caso de violar esta norma, terá de suportar os custos de repor a Viatura nas mesmas condições em que lhe foi entregue e será responsável perante a Wayzor por quaisquer prejuízos que decorram da violação das condições acima mencionadas, relativamente a obrigações de manutenção.

14 – POLÍTICA DE COMBUSTIVEL: CHEIO – CHEIO (FULL TO FULL)

Todas as viaturas da Wayzor são entregues com o tanque cheio de combustível, gasolina ou gasóleo, sendo este nível registado no Contrato de Aluguer.

Deverá devolver a Viatura com o mesmo nível de combustível e não pagará pelo reabastecimento ou pelo combustível.

No caso de não devolver a viatura com o mesmo nível de combustível indicado, no momento da entrega, ser-lhe-á cobrado o custo do combustível em falta, acrescido de um valor correspondente ao serviço de reabastecimento efetuado pela Wayzor.